#Não é para estar confortável: é para estar bonita!

sexta-feira, junho 12, 2015


Quantas vezes não ouvi isto, senhor [e quase que me benzi]. Continuo sem perceber a obsessão que muitas noivas têm com o dia do casamento. As mulheres quando estão noivas transformam-se, para pior, claro! E a primeira coisa que compram, sem pensar no resto, é o maldito do vestido. E digo maldito porque eu já vi muitos vestidos de noiva que não são vestidos: são objectos de tortura... Conforto? Nenhuma noiva conhece essa palavra. E se conhece, irá fazer de tudo para ignorá-la. E como se isso não bastasse irá tentar infligir o mesmo suplício à madrinha, à mãe, à irmã e às amigas. As noivas são do pior.

Hoje em dia existem soluções tão práticas e tão acessíveis... Eu não recomendo comprarem vestidos em lojas especializadas, recomendo sim, comprarem-nos em lojas de cerimónia ou em marcas que primem pelo minimalismo [mas isso é apenas uma opção pessoal]. Numa pesquisa que eu fiz, aqui e aqui [GBridal], acabei por descobrir exemplos de vestidos, simples e bonitos.

Vestidos totalmente brancos, sem apliques: adoro! Acho que são o cúmulo da sobriedade! Vestidos sem folhos, são o mais seguro [não fazem ninguém parecer uma matrafona]. Vestidos de manga comprida: sim, sim e sim! Os vestidos cai-cai são uma epidemia... e são muito pouco favorecedores, lembrem-se disto. Vestidos curtos... porque não? Parecem-me uma boa hipótese para quem se gosta de mexer à vontade.


Less is more, concordam comigo, não concordam? E agora vou ver os casamentos de Santo António, só para me rir um bocadinho... [é um guilty pleasure, perdoem-me!]. Deve ser por ser tão má lingua, que Santo António não me arranja marido...

[imagens: via]

Deixe um comentário

1 comments

  1. De acordo, porque detesto vestidos de noiva cheios de rococós.
    Tudo quanto é simples, tem grande valor.
    E viva o Santo António!

    ResponderEliminar